Adriana Varejão - Inhotim

Seja

Amigo

Adriana Varejão

Rio de Janeiro, Brasil, 1964 – vive no Rio de Janeiro, Brasil

Obra  Celacanto provoca maremoto, 2004-08, de Adriana Varejão. Acervo de arte contemporânea do Inhotim
Adriana Varejão, Celacanto provoca maremoto, 2004-08, óleo e gesso sobre tela, 110 cm x 110 cm cada, 184 peças. Foto: Eduardo Eckenfels
Obra  O Colecionador 2008, de Adriana Varejão. Acervo de arte contemporânea do Inhotim
Adriana Varejão, O colecionador, 2008, [detallhe] óleo sobre tela, 320×750 cm. Foto: Eduardo Eckenfels.

A artista, que trabalha com pintura, fotografia, escultura e instalação, começou seus estudos em artes visuais em 1983, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage (Rio de Janeiro). As primeiras obras de Adriana Varejão já apontam questões e referências que permanecem presentes até hoje, como seu interesse pela história da colonização portuguesa no Brasil e a violência desse processo. Desde sua primeira exposição individual, em 1988, na Galeria Thomas Cohn, expôs em diferentes instituições nacionais e internacionais, incluindo a Bienal de São Paulo e o MoMA de Nova York. Em 2008, foi inaugurada, no Instituto Inhotim, a Galeria Adriana Varejão.

Hoje