Leitura: 6 min

O Jardim Desértico e suas paisagens!

O Jardim Desértico e suas paisagens!

O Inhotim estreou na sexta (05/06), Dia Mundial do Meio Ambiente, a sua primeira exposição virtual do acervo botânico: “Resistência, diversidade e sabedoria: os segredos do Jardim Desértico”. Dividida em três seções, a mostra aborda as adaptações dessas plantas para sobreviver com poucos recursos hídricos, seus usos na sociedade e a sua disposição no paisagismo.Inaugurado em 2014, as formas exóticas e as inflorescências de espécies originárias, em sua maioria, dos desertos do México inspiraram o projeto do paisagista do Inhotim, Pedro Nehring. “Distribuímos as espécies criando volumes médios, verticais e rasteiros, visando ao entrosamento harmônico entre as plantas que compõem esse jardim. Trabalhamos com várias formações rochosas na área, traçando caminhos para permitir a livre  circulação de pessoas pelo jardim”. O Jardim Desértico possui uma área de 2.590 m² e mais de 1000 indivíduos de 120 espécies. São cactáceas, crassuláceas e euforbiáceas que nos convidam a notar a beleza na diversidade de diferentes processos de adaptação dos exemplares e a valorizar os conhecimentos tradicionais que unem plantas e seres humanos.

A cor terrosa dos caminhos combina com o verde das folhas e as flores coloridas. Foto: Arquivo

A cor terrosa dos caminhos combina com o verde das folhas e as flores coloridas. Foto: Arquivo

 Um mar de possibilidadesA maioria das espécies presentes no Jardim são plantas xerófitas, que sobrevivem em ambientes áridos e semi-áridos, como os cactos e as suculentas. A primeira parte da exposição mostra as adaptações dessas plantas à esses locais com pouca água. Tanto que o Jardim Desértico é abordado nas ações de educação ambiental como uma alternativa para o uso sustentável da água, na criação de áreas verdes.
Os espinhos presentes em algumas plantas são uma das adaptações para as plantas resistirem às altas temperaturas e escassez de água. Foto: Arquivo

Os espinhos presentes em algumas plantas são uma das adaptações para as plantas resistirem às altas temperaturas e escassez de água. Foto: Arquivo

Você sabia que algumas dessas espécies são comestíveis? Ou são usadas na produção de fibras e bebidas, como a agave-polvo usada na fabricação da tequila? Para sobreviver em ambientes extremos, os povos tradicionais souberam aproveitar o que essas plantas oferecem. Na exposição, você também fica sabendo sobre os outros usos dessas espécies pelo mundo. Na selva de pedraApesar do solo mais rochoso e de pouca água, ao contrário do que muitos pensam, essas espécies desenvolvem também lindas flores que, em composição com o verde das folhas, expressam um paisagismo charmoso.
Veja as plantas do Jardim Desértico dando um colorido lindo à paisagem! Foto: Arquivo

Veja as plantas do Jardim Desértico dando um colorido lindo à paisagem! Foto: Arquivo

Por serem de fácil cultivo, muitas dessas espécies estão presentes nas casas e apartamentos, compondo os jardins dentro dos lares – conhecidos como Urban Jungles. Acesse aqui a nova exposição on-line do Inhotim! Aproveite para navegar pelas outras quatro mostras.


взять срочный займ на карту без отказа



voltar
  • Twitter
  • Facebook
  • Google +